toquiob9
Imagem: Reprodução/Comitê Olímpico Internacional

Japão declara estado de emergência e Olimpíadas podem acontecer sem público

Chefe do Comitê Olímpico Internacional viajou para Tóquio para oficializar a decisão

por Matheus Fiore

A novela sobre os Jogos Olímpicos de Tóquio continua. Após confirmar que o evento aconteceria com público mesmo com a pandemia, Tóquio parece ter voltado atrás e já cogita realizar os jogos sem nenhum espectador nos estádios. A decisão, se confirmada, se dará pela crise da Covid, já que o Japão acaba de declarar estado de emergência em virtude da pandemia.

Os fãs e espectadores devem ser excluídos de todos os eventos de Tóquio e até das áreas ao redor das instalações. Como noticiou a Bloomberg, o chefe do Comitê Olímpico Internacional, Thomas Bach, já está em Tóquio para encontrar autoridades do governo japonês e organizadores para confirmar a decisão e torná-la oficial.

“Será uma maneira incomum de realizar o evento em meio a um estado de emergência”, disse o primeiro-ministro Yoshihide Suga em uma entrevista, acrescentando que bilhões de pessoas devem assistí-lo pela televisão. “Quero mostrar de Tóquio para o mundo que a humanidade pode superar essa grande dificuldade com trabalho duro e sabedoria”, completou.

Em janeiro, o Japão chegou a cogitar cancelar o evento. Já em junho, um relatório feito por uma associação de médicos e especialistas japoneses sugeriu que o evento deveria acontecer sem público para evitar novos riscos.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link