tumblrplus
Imagem: Divulgação

Até o Tumblr testa permitir que usuários cobrem por acesso a seus blogs

Por enquanto em fase beta, Post Plus vai permitir que público cobre mensalidades de US$ 3,99, US$ 5,99 e US$ 9,99 em troca do acesso a publicações específicas

por Pedro Strazza

O Tumblr esta semana iniciou testes com uma nova modalidade de assinatura na plataforma que vai permitir aos usuários cobrar por acesso total ou parcial a suas páginas na rede social. Batizado de Post Plus, o sistema permite que as contas ofereçam assinaturas de US$ 3,99, US$ 5,99 e US$ 9,99 por mês em troca do conjunto de publicações que decidirem acharem melhor colocar por trás do paywall.

O recurso por enquanto está em fase beta e limitada a alguns poucos criadores de conteúdo, mas segue passos gerais da indústria na relação de público e monetização de seus próprios canais. Enquanto o Twitter diz implementar o Super Follow num futuro próximo, plataformas como o Facebook buscam copiar o esquema do Substack e implementar estruturas de newsletter em suas redes – no caso específico desse, o Bulletin que já está disponível nos EUA.

Para o Tumblr, é uma medida que também busca revitalizar a rede social. Ainda que mantenha uma média diária de 11,3 milhões de publicações, a companhia hoje está longe do ápice de 2012 e seus 67,7 milhões de publicações por dia e nunca chegou a vingar na conversão para os aplicativos de celular, o que explica suas vendas sucessivas ao Yahoo!, à Verizon e à atual dona Automattic nos últimos anos. E como a gerente parece mais focada no WordPress e no recém-adquirido Pocket Casts, o recurso de oferta de assinaturas soa como um caminho de pelo menos manter a audiência atual retida.

Isso se espelha na divisão da grana. De acordo com o The Verge, o Tumblr deve ficar com apenas 5% do volume de pagamentos feitos aos usuários que instalarem o modelo de assinatura, metade do que o Substack atualmente cobra. O problema segue sendo o celular: caso a assinatura seja feita no iOS e Android, ambas vão cobrar os tradicionais 30% da fatia da transação.

O plano do Tumblr é que o Post Plus seja lançado oficialmente até o fim do ano.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link