fbpx
cover-spotify3

Spotify considera introduzir segundo (e mais barato) plano de assinatura

Modalidade é batizada de Spotify Plus e permite que usuários pulem faixas sem limitações e ainda escutem anúncios por 99 centavos de dólar

por Pedro Strazza

O Spotify é o mais novo nome a confirmar planos de disponibilizar uma assinatura mais barata no mercado de streaming. A companhia essa semana começou a testar uma nova modalidade de mensalidade batizada de Spotify Plus, que por US$ 0,99 permite que o usuário escolha e pule quantas faixas quiser enquanto mantendo o esquema de publicidade a cada 3 ou 4 streams.

A modalidade seria um intermediário entre o que é oferecido pela plataforma hoje, que se divide entre a oferta gratuita e todas as vantagens do Spotify Premium. Nas contas grátis, o público é restrito a opção de pular seis faixas por hora, não pode escolher ouvir músicas fora de 15 playlists selecionadas pela empresa e ainda só pode escutar discos e seleções no modo aleatório.

O experimento foi confirmado pela empresa ao The Verge, ao qual comenta que o exercício no momento é reduzido “a um número limitado de nossos usuários” e faz parte da rotina de testes “para melhor informar nossas decisões”. O Spotify ainda afirma que não há garantia de que o Plus vai ser implementado ao negócio, dizendo que “alguns testes acabam pavimentando o caminho para novas ofertas ou atualizações, enquanto outros apenas rendem ensinamentos”.

Apesar do tom de nada confirmado, o interesse do Spotify acompanha alguns movimentos de concorrentes, diretos ou indiretos. De acordo com o Engadget, na última segunda (2) o YouTube também começou a testar uma variação Lite da assinatura Premium em partes da Europa, oferecendo uma experiência sem anúncios mas sem opção de downloads dos vídeos pelo mesmo preço da modalidade destinada a estudantes – 6,99 euros, metade dos 11,99 euros cobrados.

Além disso, a área de streaming destinada ao audiovisual também contempla abraçar o modelo intermediário, com o HBO Max e o Peacock lançando uma assinatura mais barata e com anúncios nos Estados Unidos.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link