captura-de-tela-2021-06-23-as-10.31.30
Imagem: Divulgação

Google Meet vai ajustar automaticamente a iluminação da sua câmera durante reuniões

Recurso vem do aplicativo para celulares e usa de inteligência artificial para ajustar automaticamente os níveis de brilho

por Pedro Strazza

O Google Meet promete dar fim a um problema recorrente das videochamadas: a má iluminação de alguns participantes. O Google confirmou nesta segunda-feira (20) que a versão web em breve deve ganhar a habilidade de detectar e alertar o usuário quando a exibição de sua imagem estiver prejudicada por falta de luz, podendo inclusive aumentar o brilho da câmera para corrigir a questão.

A atualização é na verdade um prolongamento da experiência que a plataforma toca hoje nos smartphones, com tanto o iOS e o Android desde o ano passado possuindo o recurso. O funcionamento é na base de inteligência artificial, que examina os níveis de luz para coordenar em conjunto com o brilho uma melhor exibição do usuário – algo importante em especial para celulares, que variam muito o contexto da imagem, mas que pode ser muito útil a quem trabalha com computador e não possui um ring light para eventos profissionais.

Ainda de acordo com o Google, o recurso pode ser desativado a qualquer momento nas configurações do Meet, mas não há um acesso rápido antes e depois das reuniões. A companhia também diz que a aplicação da IA em alguns cenários pode exigir do computador mais do que costume, ainda que não dê declarações sobre travar imagem ou coisa do tipo.

O recurso começa a ser liberado a partir de hoje para o Workspace e o G Suite, estando disponível a todas as contas até o dia 4 de outubro.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link