applejobs
Imagem: Reprodução

Apple cria memorial online para marcar os 10 anos da morte de Steve Jobs

Vídeo exibido na página oficial da companhia reúne falas e registros do fundador, falecido em 5 de outubro de 2011

por Pedro Strazza

Há exatos dez anos, no dia 5 de outubro de 2011, Steve Jobs passava desta para a melhor depois de uma longa e dura batalha contra um câncer pancreático. Um evento marcante por uma série de motivos e significativo para milhares de pessoas, além da própria Apple que nasceu e cresceu pelas mãos do empresário. Nesta terça-feira (5), a companhia naturalmente resolveu marcar a ocasião com uma celebração do legado de seu fundador.

Para tanto, a empresa lançou nas redes sociais e ergueu no seu site oficial um vídeo memorial de Jobs, reunindo fotos, vídeos e citações do ex-CEO. Além disso, a Apple também reuniu uma série de depoimentos de pessoas próximas ao empresário, incluindo aí uma declaração de sua família que você pode ler abaixo na íntegra.

Por uma década agora, luto e cura vem juntas. Nossa gratidão se tornou tão grande quanto nossa perda.

Cada um de nós encontrou um caminho para a consolação, mas nós conseguimos juntos um espaço lindo de amor a Steve, e a aquilo que ele nos ensinou.

De todos os presentes de Steve, foi seu poder como professor que durou. Ele nos ensinou a estar abertos à beleza do mundo, de ser curioso sobre novas ideias, de ver o que está na próxima virada, e o mais importante, de permanecer humilde em nossa própria mente humilde.

Há muitas coisas que ainda vemos através de seus olhos, mas ele também nos ensinou a olhar por nós mesmos. Ele nos deu o necessário para viver, e isso nos serviu bem.

Uma de nossas grandes fontes de consolação foi nossa associação de Steve com beleza. A vista de algo lindo – uma encosta arborizada, um objeto bem feito – nos traz de volta seu espírito. Mesmo durante seus anos de sofrimento, ele nunca perdeu a fé na beleza da existência.

Memória é inadequado para o que está em nossos corações: nós sentimos profundamente sua falta. Nós fomos abençoados de tê-lo como marido e pai.

A família de Steve Jobs

Além das homenagens oficiais, o atual CEO Tim Cook comentou o marco de dez anos da perda do antecessor em um memorando aos funcionários. De acordo com o Bloomberg, Cook escreve que Jobs “nos desafiou a ver o mundo não pelo que ele é, mas o que poderia ser” e que se sente “sortudo de ter passado dias criando ferramentas tão inovadoras que conectam as pessoas, as inspiram a pensar diferente e empoderá-las a deixar seus próprios marcos no universo” junto do amigo.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link