heineken-energia-verde
Imagem: Reprodução/Heineken

Heineken lança projeto para facilitar acesso à energia verde para bares e restaurantes

Projeto visa levar energia renovável a 50% dos bares e restaurantes de 19 capitais brasileiras, até 2030

por Soraia Alves

A partir deste mês de outubro, a Heineken dá início a um projeto que visa levar energia renovável a 50% dos bares e restaurantes de 19 capitais brasileiras, até 2030. O compromisso faz parte da estratégia da cervejaria em alavancar o uso de fontes limpas de energia, iniciado a partir da produção da cerveja com energia 100% renovável, anunciado em dezembro de 2020.

Por meio da adesão a iniciativa, bares e pontos de vendas podem ter uma redução de até 40% em suas contas de energia. A participação é gratuita, sem taxas de adesão, sem instalação e sem fidelidade. O estabelecimento só precisa se cadastrar em uma plataforma digital que vai conectá-lo a uma fonte de geração de energia verde. A distribuição de energia será feita normalmente pela rede da concessionária de energia, e o estabelecimento não terá nenhum tipo de custo, taxa de adesão, ou necessidade de qualquer adaptação no sistema elétrico atual.

“O movimento reforça nosso compromisso com o planeta, e um novo passo para um futuro mais verde para as próximas gerações. É uma parceria em que conseguimos levar uma alternativa inovadora, ecologicamente sustentável e que beneficia a cadeia de negócios”, comenta Gabriel D’Angelo Braz, diretor de marketing da marca Heineken® no Brasil.

Fases do Projeto

O projeto, operacionalizado em parceria com geradores regionais de energia renovável, entra em fase piloto em agosto, inicialmente em Florianópolis, Curitiba e Cuiabá. Em outubro, Belo Horizonte, Fortaleza, Recife, Goiânia, Distrito Federal, e Rio de Janeiro passam a figurar na lista de capitais atendidas. Para facilitar a adesão dos pontos de venda parceiros da cervejaria, a Heineken disponibiliza o site https://www.heinekenenergiaverde.com.br onde é necessário fazer um breve cadastro.

A partir de 2022, o programa já atenderá 19 capitais brasileiras, sendo elas: Maceió, Salvador, Fortaleza, Vitória, Goiânia, São Luis, Cuiabá, Campo Grande, Belo Horizonte, Belém, João Pessoa, Curitiba, Recife, Rio de Janeiro, Porto Alegre, São Paulo, Florianópolis, Palmas e Brasília – DF.

Com isso, a marca almeja chegar no ano de 2030 com 50% de seus pontos de vendas beneficiados pelo programa. A disponibilidade do serviço será ampliada gradualmente, para além das capitais federais. A rede de atendimento estará disponível no portal.

“Definimos metas de sustentabilidade ambiciosas e sabemos que será uma longa jornada de múltiplos esforços, e nossas marcas têm papel fundamental em realizar ações concretas que cheguem até nossos clientes e consumidores. O compromisso da marca está alinhado com a estratégia de sustentabilidade do Grupo Heineken no Brasil de neutralizar as emissões de carbono em toda a cadeia de valor até 2040”, afirma Ornella Vilardo, Gerente de Sustentabilidade do Grupo Heineken no Brasil.

Compartilhe:
  • tags:
icone de linkCopiar link