Walmart retira brinquedo de exposição após reclamação sobre apologia às drogas
walmart
Imagem: KATHY DEWITT

Walmart retira brinquedo de exposição após reclamação sobre apologia às drogas

Item era vendido como companheiro “educacional” para crianças e cantava em inglês, espanhol e polonês

por Carolina Firmino

Uma avó em Ontário, Canadá, levou para casa um “brinquedo educacional” do Walmart e, bom, algo de estranho aconteceu. Ela ficou chocada ao encontrar o cacto de pelúcia fofinho xingando e cantando canções sobre cocaína.

“Esse brinquedo usa palavrões e fala sobre o uso de cocaína. Não foi isso que pedi à minha neta” diz Ania Tanner ao CTV News Toronto.

Segundo o site, o brinquedo era vendido como companheiro “educacional” para crianças e cantava em inglês, espanhol e polonês, custando cerca de 26 dólares. No entanto, ao ouvir a versão polonesa da música que o cacto cantava, percebeu que a letra era sobre cocaína, abuso de drogas, suicídio e depressão – com o adicional de muitos palavrões.

O Design Taxi explica que Tanner é polonesa e ficou em choque ao perceber o que estava sendo dito ali. Em resumo, o que aconteceu é que o fabricante chinês do brinquedo usou uma canção do rapper polonês Cypis sem autorização. No momento, ele está planejando tomar medidas legais contra a empresa.

De acordo com o CTV News Toronto, o item também é vendido na Europa pela Amazon e já recebeu reclamações sobre as letras inadequadas das músicas. Aliás, o cacto cantor ainda está disponível no site.

Já o Walmart alegou que a venda do brinquedo é terceirizada e que o removeu de suas prateleiras para esperar a conclusão das investigações.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link