Mostra Tiradentes celebra 25 anos e discute o cinema em transição
mostra-cinema-tiradentes
Imagem: Divulgação

Mostra Tiradentes celebra 25 anos e discute o cinema em transição

Programação online do evento acontece na plataforma oficial e pode ser acessada gratuitamente de onde você estiver

por Soraia Alves

Em 2022, a Mostra de Cinema de Tiradentes comemora 25 anos de uma trajetória rica em propósitos, realizações e difusão do cinema brasileiro. A edição deste ano acontece de 21 a 29 de janeiro, em formato híbrido, com ações online pela plataforma mostratiradentes.com.br e atividades presenciais no Largo das Forras, Largo da Rodoviária e no Centro Cultural Yves Alves, seguindo todos os protocolos sanitários relativos à pandemia de Covid-19.

A cidade histórica mineira será a capital do cinema brasileiro contemporâneo, abrindo o calendário audiovisual do ano. A programação abrangente e gratuita vai exibir 169 filmes de 21 estados brasileiros (64 longas, 3 médias e 102 curtas-metragens) em pré-estreias e mostras temáticas; participação de mais de 150 convidados no 25o Seminário do Cinema Brasileiro (com debates, Encontros com os Filmes e rodas de conversa); 10 oficinas; além de performance audiovisual, exposições, lançamento de livros, teatro de rua e intervenções artísticas. 

“Esta edição representa um momento histórico em nossas realizações, porque além de adaptar a programação e adequar as estruturas para este cenário pandêmico, planejamos uma série de ações comemorativas aos 25 anos da Mostra de Cinema de Tiradentes, que revisita esta trajetória que é testemunha do surgimento da nova geração de realizadores e, a cada edição, apresenta um rico panorama da produção cinematográfica que se multiplicou, diversificou, se manifestou em atitudes, debates e em memoráveis obras de gênios talentosos da nossa cinematografia. A renovação é uma das marcas mais significativas que estampou o Brasil nas telas da Mostra Tiradentes e celebrar todas as conquistas revigora nossa alma”, ressalta a Raquel Hallak, coordenadora geral do evento.

A abertura da Mostra acontece na noite de 21 de janeiro, a partir das 21 horas, com homenagem ao cineasta Adirley Queirós, apresentação da temática “Cinema em Transição” e exibição, em pré-estreia, de “Fragmentos de 2016 em dois episódios”, mais novo projeto de Adirley, codirigido por Cássio Oliveira. O realizador do Distrito Federal será pauta central do debate a ser realizado no sábado e que vai tratar de sua trajetória junto a amigos e parceiros do homenageado: a cineasta Dácia Ibiapina, a montadora Cristina Amaral e o Técnico de Som Direto Francisco Craesmeyer.

Proposta para a 25a edição da Mostra, a temática “Cinema em Transição” parte da percepção de que o cinema brasileiro atravessa um período complexo e delicado em diversos setores: do desenvolvimento de projetos à produção, das filmagens à finalização, da distribuição à exibição, toda a cadeia de realização tem sido reestruturada, reconfigurada e, muitas vezes, revolucionada. “Estamos num período histórico de aceleração dos processos, que passa pela economia e pela criatividade no audiovisual, desde as formas de financiamento até a efervescência das plataformas de streaming e a crise das salas físicas”, destaca o coordenador curatorial Francis Vogner dos Reis.

Analisando mudanças técnicas, estéticas e econômicas, o cinema brasileiro contemporâneo será investigado, durante a Mostra, a partir de seus novos arranjos profissionais e artísticos em andamento, diante de uma realidade econômica e criativa que segue institucionalmente negando a cultura (em âmbito de Governo Federal) e uma movimentação cultural que não pode mais se restringir aos antigos modelos de produção e circulação de obras, sob risco de sua própria sobrevivência e a dos profissionais envolvidos.

A forte presença de filmes dirigidos por pessoas negras, trans e indígenas, a proliferação de coletivos criativos vindos de outras áreas artísticas para além do cinema e a experimentação de formatos, linguagens e espaços de exibição serão fundamentais para se compreender a amplitude dos conceitos tratados na Mostra em 2022.

A programação online do evento acontece na plataforma oficial – mostratiradentes.com.br e pode ser acessada gratuitamente de onde você estiver. O sinal estará aberto para o mundo. Você vai poder acompanhar os bastidores do evento e acompanhar tudo que está acontecendo no maior evento do cinema brasileiro.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link