Como se tornar um Gerente de Projetos de sucesso

Como se tornar um Gerente de Projetos de sucesso

Descubra como grandes nomes do mercado usam a gestão de projetos de maneira estratégica para gerenciar, desenvolver, inovar e transformar o mercado - antes que sejam transformados por ele

por B9

Já se tornou clichê dizer que a sociedade está em transformação acelerada e radical. Mas, no caso do mundo do mundo do trabalho, fica quase impossível prever como o cenário será nos próximos anos. Afinal, como revela um estudo do Institute For The Future (IFTF) para a Dell Technologies de 2019, 85% das profissões que existirão em 2030 ainda nem foram inventadas. Isso porque as tendências de mercado, comportamento e, principalmente, tecnologias, sempre transformam as relações das empresas com seus funcionários.

A metodologia Kanban é uma das mais tradicionais no universo da gestão de projetos. Inspirada na colagem e movimentação de post-its, inspirou algumas das maiores ferramentas de gerenciamentos de tarefas, como o Trello.com. Foto: PxHere.

De acordo com estudo da Universidade de Brasília (UnB), o avanço tecnológico ameaça a existência de 25 milhões de postos de trabalho no Brasil. Mas algumas profissões que já existem aparecem como grandes promessas para esse futuro incerto e dinâmico. Dentre elas, pelo menos uma está em plena ascensão, atingindo diversos setores e etapas da cadeia de produção. A contratação de um Gerente de Projetos nunca foi tão estratégica para as empresas.


O que faz um Gerente de Projetos?

Um gerente (gestor, líder ou diretor) de projetos é o profissional responsável pela realização de planejamentos de uma empresa ou organização. Este profissional aponta caminhos e fluxos possíveis, considerando restrições de planejamento, estratégia, cronogramas e orçamento. O gestor de projetos pode participar e acompanhar em cada etapa da produção das empresas.

“O Gestor de Projetos precisa engajar a equipe para que os objetivos dos projetos sema os mesmos que as pessoas desejam atingir. Ao desenvolvê-la bem, os Gerentes de Projetos se destacam, elevam a qualidade do trabalho, agregam às empresa e são reconhecidos no mercado.”

Dairton Bassi, CEO da Agile Trends, em entrevista ao Braincast

Como um intermediário entre o plano inicial e o resultado, o gerente de projetos é pautado pelas necessidades de cada produto. Dessa forma, um gestor de projetos bem capacitado deve estar preparado para organizar, liderar e até executar determinadas tarefas. Ele deve facilitar, agilizar, maximizar e até adaptar os resultados esperados.


Um gerente em busca de um projeto

A palavra “projeto” sempre fez parte do vocabulário das empresas, determinando qualquer ação que tenha início e fim previstos. Um projeto deve ter demanda definida, resultados esperados e, na maior parte das vezes, recursos delimitados. Com as mudanças constantes do mercado, faz cada vez mais sentido falar em projetos temporários, do que em atividades definitivas. Empresas orientadas por projetos podem se reposicionar com agilidade a partir do que precisam (e podem) entregar. É aí que o profissional capaz de mapear necessidades e acompanhar o desenvolvimento de atividades ganha importância e protagonismo.

Os projetos podem ser culturais, de pesquisa, empresariais ou, até mesmo, pessoais. Dessa forma, há muito mais dentro de uma empresa que pode ser otimizado através de projetos, além do produto final. Um Gestor de Projetos se prepara para atuar em qualquer área. Seu trabalho é transformar a expertise profissional em um planejamento estratégico.

A metodologia ágil é uma das mais importantes estratégias para um gerenciamento de projetos bem-sucedido. Outras metodologias de gestão são apresentadas para o Gerente de Projetos em formações específicas para o setor.
A metodologia ágil é uma das mais importantes estratégias para um gerenciamento de projetos bem-sucedido. Outras metodologias de gestão são apresentadas para o Gerente de Projetos em formações específicas para o setor. Foto: Pixabay.

As fronteiras entre projetos e processos podem ser difusas e se relacionarem a todo momento. E o Gestor de Projetos pode atuar com as duas. A capacidade de reunir os desafios e potencialidades de um projeto, transformando-o em fluxos, planejamentos e cronogramas, pode ser transformada. O gerente de projetos pode ser também um gestor de processos de longo prazo. Este profissional também pode responder em ambientes com duração indeterminada, atuação repetitiva e resultados constantes.

“Uma pessoa que está buscando uma solução pra entrar na universidade precisa solucionar a dificuldade dela em Matemática, em Geografia, em alguma área específica. Esses são os projetos que você precisa assumir. Projeto nada mais é, do que um esforço temporário. Você precisa resolver um produto, um serviço e atingir um resultado específico.”

Ana Júlia Matos, estudante de Medicina e criadora dos projetos @deuskdminhavaga e Naju, Me Atualiza!, em entrevista ao Braincast.


Carlos Merigo, fundador do B9 e apresentador do Braincast, reuniu 6 grandes líderes do mercado de projetos para um debate. Ouça ao papo, que aconteceu no Twitter do B9, para entender como esse profissional pode transformar as mais diversas áreas – inclusive a sua:

Ouça, na íntegra, ao encontro ao vivo de Carlos Merigo com lideranças da gestão de projetos no Twitter do B9.

O papo de Carlos Merigo com Adriana Barbosa (PretaHub/Feira Preta), Ana Júlia (@deuskdminhavaga/Naju, me atualiza!), Dairton Bassi (Agile Trends), Lud Pimenta (RHLab) e Michelle Guimarães (Fora da Caixa) revela a diversidade na gestão de projetos. Este profissional sempre encontra espaço, desde empresas tradicionais e consolidadas no mercado, até empreendimentos em estágio inicial. Pode ser chamado para manter a cultura e o perfil de companhias. Mas também para trazer e garantir que o sonho da inovação das companhias se torne realidade.


Qual é o perfil de um gerente de projetos?

A profissão de gerente de projetos não é nova. Desde a metade do século XX, algumas empresas investem na contratação e capacitação deste perfil profissional. Mas o aumento acelerado da busca por esses profissionais nos faz analisar o perfil desejado para a área:

“Para que projetos saiam do papel com data clara e definida, precisamos de um Gerente de Projetos capaz de administrar e conectar todas as pontas do negócio.”

Michelle Guimarães, fundadora da Fora da Caixa, em entrevista ao Braincast.

Em 2021, a consultoria EUAX divulgou o estudo Panorama Geral da Gestão de Projetos. Um compilado de dados e insights relevante sobre a carreira de projetos no Brasil. Dentre os profissionais entrevistados, mais da metade possui um escritório de projetos, ou PMO, instalado em sua empresa. Mesmo com as grandes diferenças, o aumento da demanda por gestores de projeto mostra a abrangência possível de atuação. Mas qual o perfil desejado para esse profissional?

Organizado pelo Project Management Institute, o Guia PMBOK funciona como orientador das funções do gerente de projetos.

Além de organização, pró-atividade e boa comunicação, a natureza da gestão de projetos exige algumas habilidades específicas além das técnicas do dia a dia.

Se você possui…
  • Senso analítico para mapeamento de necessidades de um projeto, desde a fase inicial;

  • capacidade de liderança para orientar diversas áreas, profissionais e fornecedores a seguirem o planejamento criado;

  • habilidade de se comunicar com várias áreas, em uma linguagem que seja compreensível para profissionais de múltiplos perfis;

  • facilidade de transformar ideias em planejamentos, cronogramas, briefings e rotinas;

  • noção de prioridades e entendimento dos tempos de cada etapa de um projeto;

  • agilidade para lidar com mudanças e adaptar planos conforme as mudanças de cenário

Então, a carreira de gestão de projetos pode ser para você.


“O Gerente de Projetos também tem uma visão mais fresca, muito importante para ajudar a olhar o macro e colocar as coisas nos seus devidos lugares.”

Adriana Barbosa, fundadora da Feira Preta e CEO da PretaHub, em entrevista ao Braincast.

Durante 4 episódios, o Braincast trouxe a coluna “Profissão Gerente… de Projetos“, um especial feito em parceria com o Project Management Institute (PMI). Em cada programa, Carlos Merigo conversou com uma liderança de projetos em diversas áreas do mercado: tecnologia (Dairton Bassi), empreendedorismo (Adriana Barbosa e Michelle Guimarães), recursos humanos (Lud Pimenta) e educação (Ana Júlia/Naju). Além de apresentar e discutir o universo da gestão de projetos, a coluna mostrou como esse universo é mais amplo do que imaginam a maioria das pessoas. E como profissionais de diferentes trajetórias podem encontrar o próximo passo na área de projetos.

  • O Braincast 449: "Como Melted Videos hackeou o mercado do meme" traz uma entrevista com Dairton Bassi, CEO da Agile Trends, no primeiro episódio da coluna "Profissão Gerente... de Projetos" (a partir de 11:00).
  • O Braincast 450: "Mulher de Verdade: novas representações da mulher na mídia" traz uma entrevista com Adriana Barbosa e Michelle Guimarães, no segundo episódio da coluna "Profissão Gerente... de Projetos" (a partir de 05:33).
  • O Braincast 451: "O que as distopias realmente ensinam?" traz uma entrevista com Lud Pimenta (RHLab), no terceiro episódio da coluna "Profissão Gerente... de Projetos" (a partir de 06:17).
  • O Braincast 452: "Elon Musk vai ser justo com o Twitter?" traz uma entrevista com Ana Júlia Matos (Deus, Kd Minha Vaga?), no quarto episódio da coluna "Profissão Gerente... de Projetos" (a partir de 09:20).

Ouça estes e todos os episódios do Braincast em braincast.b9.com.br e em todas as plataformas de áudio.


Como posso me tornar gestor de projetos?

Por ser uma profissão tão dinâmica e adaptável, a área de Projetos ainda não conta com graduação específica no Ensino Superior. Muitas vezes, os profissionais acabam se encontrando com essa opção de carreira ao longo de sua trajetória ou em busca de uma guinada na carreira. Ainda assim, existem uma série de cursos e certificações para indicar as melhores práticas e o nível de preparação daquele profissional para a gestão de projetos. Conheça alguns deles:

  • Profissional de Gestão de Projetos (PMP)®: este certificado internacional é considerado o “padrão-ouro” da área de projetos em todo o mundo, responsável por reconhecer profissionais com alguma experiência e senioridade acumuladas neste Universo.

  • Técnico Certificado em Gestão de Projetos (CAPM)®: requisito básico para profissionais que querem entrar na área e empresas que buscam contratação. Para realizar o teste, é necessário algum certificado de treinamento específico em gestão de projetos, além de Ensino Médio Completo.

  • Certificação Agile/Scrum: a metodologia ágil é uma das mais valorizadas e desejada dentro do universo de projetos. Mais do que a rapidez do profissional, ela se estrutura em um formato capaz de trazer rapidamente respostas a dúvidas e correções de rota necessárias para o bom andamento do projeto – garantindo correção rápida de erros e clareza dos obstáculos superados.

  • Pós-Graduação e cursos em Gestão de Projetos: além das certificações internacionais, muitas instituições de ensino superior e escolas de negócios oferecem pós-graduações e MBAs na área de gestão de projetos.

O importante, na hora de escolher a capacitação, é entender seu momento de carreira e aspirações profissionais. É possível que você esteja buscando reposicionamento no mercado, ou que os rumos da sua carreira tenham te levado até a área de projetos. Seja como for, a formação adequada vai te instrumentalizar com as ferramentas necessárias para o dia a dia nessa profissão.

“Eu percebo o gerente de projetos com uma habilidade que poucos dominam, que é a habilidade do sensemaker. Ele consegue traduzir as coisas de uma forma que, muitas vezes, nem quem passou a demanda, consegue. Devido ao olhar abrangente que o GP tem do que está acontecendo.”

Lud Pimenta, Fundadora do RHLab, em entrevista ao Braincast.

Qual o lugar do Gerente de Projetos no futuro do trabalho?

Como todo projeto, este texto precisa ter início e um fim, onde se analisam os resultados obtidos em comparação com as primeiras expectativas. A esta altura, você já deve saber que:

  • Culturas organizacionais orientadas a dados e projetos são cada vez mais  fundamentais para o futuro das organizações.

  • O gerente, gestor ou líder de projetos, é o profissional responsável pelo desenvolvimento, monitoramento e avaliação dos múltiplos projetos de uma empresa.

  • No dia a dia, o gerente de projetos estabelece fluxos, processos, cronogramas, orçamentos e ferramentas de gestão que garantam que as demandas sejam entregues, avaliadas e transformadas em produtos com agilidade e planejamento.

  • Essa carreira, que existe há mais de meio século, entrou em ascensão na última década para ajudar empresas com inovação, mudanças de cultura e geração de valor.

  • A capacitação desse profissional se dá com a experiência e a formação adequadas.

  • O Gerente de Projetos é, por essência, um maker, interessado em como os resultados nascem “na prática”.

Neste momento, não conseguimos ter uma noção exata de quantos profissionais dessa área existem no Brasil, devido à própria dinâmica autodidata, flexível e plural da profissão. É possível que você seja um gestor de projetos no seu trabalho, e não saiba. Ou que já gerencie as demandas da sua vida pessoal com a mesma habilidade de um gestor de projetos, e nem soubesse que esse talento é reconhecido como profissão.

Também não temos como dizer com certeza qual o salário de um gestor de projetos: a remuneração depende dos projetos, perfil da empresa e quantidade de demandas e equipes absorvidas e gerenciadas por esse profissional. Mas, quanto mais a figura do gerente de projetos ocupar uma posição estratégica e bem-posicionada no organograma de uma organização, mais ela tem a ganhar com agilidade, eficiência e assertividade.

O futuro do trabalho e dos negócios é imprevisível. Mas, a cada dia, precisamos nos acostumar um pouco mais com a presença da tecnologia, da conectividade, dos dados e da diversidade de habilidades nas organizações. E você pode até não planejar seguir a carreira de gestão de projetos. Mas é impossível negar que muitas dessas habilidades são cada vez mais demandada em todos os escritórios.

A empresa do futuro já nasceu. E ela com certeza vai precisar de um Gerente de Projetos.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link