Ação faz alemães sentirem na pele como é morar na rua

Ar-condicionado de salas de cinema foi programado para 8ºC, dando aos espectadores uma ideia do frio enfrentado pelos sem-teto

por Amanda de Almeida

Você seria capaz de se colocar no lugar de um morador de rua e imaginar como ele se sente em uma noite de inverno? Em uma ação da Havas Worldwide de Düsseldorf para a Fifty Fifty, o ar-condicionado de alguns cinemas na Alemanha foi programado para deixar as salas a 8ºC. A ideia era fazer com que os espectadores sentissem na pele, por algumas horas, o que os moradores de rua sentem todos os dias, principalmente nas frias noites de inverno.

Paralelamente, uma equipe de filmagem transmitia ao vivo das ruas a reação dos sem-teto ao descobrirem que as pessoas estavam passando frio dentro do cinema. A primeira pergunta era até onde a temperatura poderia baixar, para em seguida comentarem que 8ºC é aconchegante, não é nada, e que começa a ficar frio mesmo a 0ºC.

Os telespectadores receberam cobertores para ajudá-los a enfrentar o frio dentro do cinema e perceberam como isso é importante. Cada cobertor contava com um QR Code que indicava o caminho para ajudar a Fifty Fifty. Com a ação, a entidade conseguiu uma boa cobertura da mídia e um bom dinheiro. É mais um daqueles exemplos de ideias que a gente gostaria de ver se repetindo por aqui.

E caso você esteja se perguntando, a interpretação de Creep no vídeo é do ex-morador de rua Daniel Mustard.

frio frio1

Compartilhe: