Facebook anuncia Slideshow, novo tipo de anúncio em vídeo para conexões lentas

Novo modo de anúncio é mais barato do que vídeo comum

por Rafael Silva

O Facebook anunciou hoje uma nova forma de anúncio em vídeo. Como essa é a forma de propaganda que mais rende dinheiro aos cofres da empresa, faz sentido para eles melhorarem-na cada vez mais. E hoje a rede social fez exatamente isso, fornecendo uma nova forma de anúncio que é específico para conexões mais lentas: o Facebook Slideshow.

O Slideshow funciona da seguinte forma: o anunciante escolhe entre 3 a 7 imagens (próprias ou de banco de imagens), seleciona uma transição entre elas e qual o tempo de duração. O Facebook então se encarrega de montar e exibir o vídeo antes de enviar para a aprovação. Também é possível inserir legendas e escolher uma imagem como thumbnail, assim como qualquer outro vídeo. Anúncios no formato Slideshow usam as mesmas guidelines de vídeo, disponível aqui.

facebook-slideshow-ads

Para manter o vídeo o mais leve possível, ele por enquanto não permite a escolha de música, mas é algo que o Facebook planeja implementar no futuro. Esse tipo de anúncio também é mais barato para o anunciante do que o envio de vídeos e em breve estará disponível também no Instagram, onde a meu ver vai fazer bem mais sentido.

Dentre os anunciantes que já testaram esse novo formato de anúncio este mês estão a Coca-cola, que divulgou o Coke Studio na Nigéria e no Quênia usando capturas de tela mais relevantes do programa. O Netflix também testou, usando o Slideshow para apresentar personagens de séries. E aqui no Brasil a O Boticário já usou também na sua marca Quem Disse, Berenice? para demonstrar o passo-a-passo de um tutorial de maquiagem.

A novidade está disponível globalmente para todos os anunciantes a partir de hoje. Quando questionado sobre a possibilidade desse formato de anúncio virar um formato de post disponível para qualquer usuário criar, o Facebook disse apenas “stay tuned”.

Compartilhe: