Adobe recria obras de arte perdidas só com fotos de banco de imagens

Campanha “Make a Masterpiece” convocou quatro criativos que fazem parte do Behance

por Carlos Merigo

A nova campanha da Adobe, Make a Masterpiece, relembra quatro obras de arte que tem uma coisa em comum: elas não existem mais.

“São Mateus e O Anjo”, de Caravaggio, foi destruída durante a II Guerra Mundial. “La mesa herida”, de Frida Kahlo, sumiu. “Cidade Medieval por Água”, de Karl Friedrich Schinkel, foi queimada durante um incêndio. “Tempestade no Mar da Galiléia”, de Rembrandt, foi roubada e nunca encontrada.

Sendo assim, a marca convidou quatro criativos da comunidade Behance para recriar os quadros, com duas condições: Utilizar apenas imagens do banco Adobe Stock, e não sair do Photoshop pra nada.

Para montar “Tempestade no Mar da Galiléia”, o indiano Ankur Patar utilizou 236 fotos. Aproveitou a oportunidade para incluir até a si próprio na pintura. Assista acima, e o timelapse das reconstruções das outras obras abaixo.

A criação é da Goodby Silverstein & Partners.

Há algumas semanas, uma campanha de Getty Images, criada pela AlmapBBDO, se valeu praticamente do mesmo princípio, recriando rostos de celebridades com fotos do banco de imagens. Tem sido uma das grandes premiadas em Cannes Lions 2016.

Compartilhe: