Clicky

Cinemateca Brasileira explica inspiração por trás do seu polêmico logo

Cinemateca Brasileira explica inspiração por trás do seu polêmico logo

É só um projetor de filmes, gente

por Rafael Silva

Num vídeo publicado hoje na sua página no Facebook, a Cinemateca Brasileira explicou a inspiração usada para seu seu polêmico logo. O logo deles há anos é tido como hilária referência de imagem fálica por ter uma reta e dois círculos posicionados de forma, digamos, dúbia. O vídeo explica que a inspiração para sua criação foi o corte transversal de um projetor de cinema filmes.

Originalmente criado em 1954, o logo foi feito por Alexandre Wollner para a filmoteca do MAM de SP e só depois esse setor deu origem à atual Cinemateca Brasileira. Desde então ele já teve 4 versões diferentes, incorporando mudanças de cores, adição de elementos e o encurtamento de outros.

No Twitter a instituição já respondeu algumas das pessoas indagando sobre seu polêmico logo mas nunca havia explicado de forma visual e detalhada assim. Aparentemente alguém lá dentro ficou cansado de ter que responder à mesma pergunta toda hora e por isso criou o vídeo.

Compartilhe: