BrasilTech

Obrigatoriedade da CNH Digital é adiada e passa a valer a partir de julho

Muitos estados ainda não estavam aptos para oferecer a carteira digital

por Soraia Alves

No começo do ano, anunciamos aqui que a partir do dia 01 de fevereiro todos os estados brasileiros seriam obrigados a disponibilizar a Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica (CNH-e), documento digital que terá o mesmo valor jurídico da versão impressa. Mas a data mudou.

O Ministério das Cidades e o Denatran anunciaram que o novo prazo para todos os estados oferecerem a CNH digital é o dia 1º de julho. Segundo os órgãos, a mudança foi necessária porque poucos estados estavam preparados para oferecer o serviço aos motoristas.

Menos da metade dos estados havia começado a emitir a CNH-e. São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo, ainda não oferecem a opção.

Quem já emitiu o novo documento pode utilizá-lo normalmente. Até agora, mais de 17 mil motoristas solicitaram suas carteiras digitais e já estão utilizando-as.

A nova data em julho é o limite máximo para a implantação da CNH digital no Brasil e não poderá ser estendida novamente.

Para ver o processo de como obter a CNH-e clique aqui.