Startup brasileira cria robô que monitora projetos de lei e comportamento de parlamentares

Plataforma foi pensada para ajudar empresas a acompanharem mudanças regulatórias

por Soraia Alves

A startup brasileira SigaLei criou uma tecnologia especial que mescla robôs virtuais e inteligência artificial e é capaz de monitorar a tramitação de projetos de lei e o comportamento de parlamentares em Brasília.

A plataforma foi pensada para ajudar empresas a acompanharem mudanças regulatórias e também para identificarem quais parlamentares têm projetos próximos às suas causas.

A ideia surgiu com Danilo Oliveira em 2014, quando ele achou que seria interessante criar um aplicativo para acompanhar a criação de leis. O projeto cresceu, a startup nasceu e o primeiro cliente veio em 2016.

De lá pra cá já são 40 clientes somados, entre sindicatos, consultorias e grandes empresas. Ainda assim, a startup não recebeu nenhum investimento até hoje, com lucro capaz apenas de sustentar os funcionários da empresa.

 

Compartilhe: