Clicky

Facebook assume direitos de transmissão da Champions League no Brasil

Facebook assume direitos de transmissão da Champions League no Brasil

Compra dos direitos de transmissão representa uma mudança de política da plataforma, que dividirá posse com o Esporte Interativo

por Pedro Strazza

O Facebook garantiu os direitos de transmissão da UEFA Champions League no Brasil. A famosa Liga dos Campeões à partir do segundo semestre deixará de ser televisionada na TV aberta pela Globo e passará para o comando da rede social de Mark Zuckerberg, com este arranjo durando pelas próximas três edições do torneio.

O acordo foi feito em parceria com a Esporte Interativo, que também será responsável pela transmissão dos jogos do torneio. A Turner, enquanto isso, voltou a garantir os direitos na televisão a cabo, estendendo seu contrato para mais três anos.

A grande surpresa, claro, é a ausência da Globo em qualquer parte deste negócio, já que a emissora – até então dona da veiculação das partidas da Champions na TV aberta – vinha obtendo ótimos índices de audiência com o evento da UEFA. De acordo com o blog do jornalista Rodrigo Mattos no UOL, a empresa dos Marinho nem chegou a entrar na disputa pela renovação dos direitos por conta do aumento de custos para manter as transmissões de outras competições, incluindo aí o Campeonato Brasileiro, a Taça Libertadores da América e a Copa do Brasil.

Para o Facebook, a conquista da Champions é um passo extremamente significativo para a plataforma, que já transmitia o campeonato em todos os outros territórios da América do Sul e possuía domínio sobre todos os jogos de quinta-feira da Libertadores por aqui. A compra é também uma mudança de política da rede social no país, já que a empresa havia informado há algum tempo que não tinha interesse nos direitos esportivos do território brasileiro. Segundo Rodrigo Mattos, a plataforma chegou inclusive a disputar com a Globo os direitos da Libertadores na TV aberta brasileira, fazendo uma oferta para expandir seus interesses no território.

Por enquanto, não se sabe como será feita a divisão do campeonato entre o Facebook e o Esporte Interativo, nem se haverá partidas exclusivas para cada um dos novos donos.

Compartilhe: