WhatsApp monetiza aplicativo e torna diálogo entre usuários e empresas mais seletivo

Anúncio vem acompanhado de atualizações que visam manter empresas no aplicativo

por Matheus Fiore

Após o lançamento do WhatsApp Business, a versão para empresas do aplicativo que foi disponibilizada no começo do ano, o WhatsApp está prestes a dar seu próximo grande passo. O aplicativo lançou três novas maneiras de os clientes se conectarem rapidamente às empresas: um botão de atalho para iniciar imediatamente uma conversa, a capacidade de fazer com que as empresas enviem (de forma criptografada) informações como cartões de embarque para seus clientes e suporte em tempo real.

Além disso, o Facebook exibirá anúncios de empresas vinculadas ao WhatsApp. Ou seja, as empresas podem comprar anúncios que direcionam as pessoas diretamente para um bate-papo já conectado com a empresa no WhatsApp. Se responderem os clientes dentro de 24 horas, as empresas não terão custos, mas o Facebook cobrará caso as respostas só sejam enviadas após um dia.

De acordo com a postagem feita no blog do WhatsApp, um dos objetivos é facilitar que o usuário tenha controle sobre suas mensagens recebidas e que as empresas sejam mais seletivas sobre o que enviarão para seus clientes. Assim, o aplicativo não terá sua caixa de mensagens inundado por mensagens.

Em setembro do ano passado, o WhatsApp decidiu abrir sua plataforma para usuários corporativos. Desde então, mais de 90 empresas puderam testar os novos sistemas e ferramentas, incluindo Uber, Wish e Singapore Airlines.

O anúncio da monetização do aplicativo nos leva a crer que o Facebook está buscando novas alternativas para estimular as empresas a permanecerem no aplicativo e utiliza-lo mais constantemente, já que agora eles poderão lucrar com essas empresas.

Compartilhe: