Metrô de Los Angeles usará scanners para fortalecer segurança

Com equipamento similar aos usados em aeroportos, medida inicialmente será aplicada em dias de eventos específicos, como shows e grandes eventos esportivos

por Matheus Fiore

Diante do histórico de atentados terroristas realizados em metrôs, a implementação de um sistema de scanners parece ser uma medida interessante para garantir mais segurança aos passageiros. O sistema ferroviário de Los Angeles, por exemplo, utilizará scanners corporais em 93 estações, fazendo com que a região seja a primeira dos Estados Unidos a implementar tal projeto.

As máquinas serão apresentadas no fim do ano, mas ainda não se tornarão parte da estrutura de nenhuma das estações. Na verdade, o projeto é utilizar apenas um pequeno número de aparelhos portáteis, utilizando-os em diversas estações de forma alternada, de acordo com a Associated Press.

É provável, portanto, que a medida seja utilizada em eventos de grande porte, como grandes shows musicais ou partidas esportivas. É provável, também, que o equipamento se faça presente em dias de manifestações, a fim de detectar objetos que coloquem a vida dos passageiros em risco.

O sistema utilizará a tecnológica de segurança da empresa britânica Thruvision, que fabrica as máquinas por 100 mil dólares. De acordo com a empresa, o kit é instalado e fica pronto para o uso em quinze minutos, facilitando com que seja utilizando, em um mesmo dia, em diferentes estações.

O kit é implementado em uma máquina que fica posicionada de frente para a área de embarque ou desembarque do metrô, e como a imagem abaixo evidencia, deve ser acompanhada por profissionais de segurança e um cão guia.

Com o crescimento do uso de sistemas de reconhecimento facial, podemos esperar, também, que em um futuro próximo os dois sistemas sejam utilizados em conjunto, permitindo que as equipes de segurança saibam não só o que os passageiros levam consigo, mas também quem são.

Apesar de sinalizar um maior controle estatal sobre a circulação de pessoas, a medida parece ser importante para garantir a segurança e evitar não só brigas e assaltos, mas também atentados terroristas, como o ocorrido no metrô de Londres em abril desse ano.

Compartilhe: