Dlaz4UhVsAERR8Y

Nike responde com anúncio polêmica do traje de Serena Williams em Roland Garros

Usada pela tenista por problemas de saúde, “roupa de Wakanda” foi banida do torneio e gerou um código de vestimenta mais rigoroso no Grand Slam francês

por Pedro Strazza

Serena Williams deu o que falar no torneio de Roland Garros deste ano, mas não por sua performance no esporte. De volta às quadras depois de ter dado luz à sua filha no ano passado, a participação da tenista norte-americana no campeonato chamou a atenção por conta de um macacão preto que usou para disputar as partidas, criado pela Nike especialmente para ela por conta dos problemas de saúde que teve durante o pós-parto – intitulado “roupa de Wakanda” em referência ao país fictício de “Pantera Negra”, o traje ajudaria a manter sua circulação sanguínea e a evitar que novos coágulos se formassem em seu corpo.

Embora a peça tenha sido feita para ajudar a tenista, seu uso foi contestado por algumas de suas adversárias, o que fez com que a organização do Roland Garros anunciasse na sexta passada (24) a proibição do traje e um código mais rígido de vestimenta para suas próximas edições. A partir de 2019, o evento dirigido pelo francês Bernard Giudicelli passa a pedir que os designs dos uniformes usados pelos tenistas sejam enviados para aprovação antes da realização do Grand Slam.

A medida despertou todo tipo de reação nas redes sociais, com usuários contestando a decisão do Roland Garros e de seu diretor como uma espécie de perseguição a Williams por conta do fato dela ser negra. A polêmica veio também porque a “roupa de Wakanda” virou uma espécie de ícone durante o campeonato deste ano, com a tenista declarando no meio do evento que gostaria de se tornar uma inspiração para mães que como ela não tiveram um parto tranquilo. “Eu sempre quis ser uma super-heroína e este é o meu jeito de ser uma” afirmou ela na época.

Foi justamente esta declaração que a Nike usou para responder a proibição do seu traje. No último sábado (25), a marca publicou em seu Twitter um anúncio que mostra uma fotografia em preto-e-branco de Williams disputando uma partida com o traje, sobreposta pela frase “Você pode tirar o super-herói de sua roupa, mas você nunca pode tirar dele seus poderes”. Confira a peça abaixo.

Além da Nike, a própria tenista já respondeu à proibição da roupa. Em uma coletiva de imprensa, Williams afirmou que já encontrou “outros métodos” para evitar que o seu sangue coagule durante os jogos, além de confirmar que ela e Giudicelli mantém ótimas relações apesar do tema.

Compartilhe: