Corona quer acabar com plásticos nos oceanos

Projeto que já passou por 15 países chega ao Brasil e inicia conscientização com ações em Fernando de Noronha

por Soraia Alves

A cerveja Corona anunciou uma parceria com a Parley for the Oceans, para o lançamento de um projeto global focado no combate aos plásticos nos oceanos.

A iniciativa envolve uma série de ações multidisciplinares para a conscientização e a mobilização da sociedade contra os problemas causados pela presença de plásticos em mares e praias brasileiras.

O projeto, que chega agora ao Brasil, foi lançado em 2017 e já recolheu mais de 1.500 toneladas de plástico de praias de 15 países, engajando e impactando 7 mil voluntários. As ações se baseiam em três grandes pilares: evitar o uso de plásticos; interceptar e recolher esses materiais nas praias; e recriar produtos a partir dos rejeitos plásticos.

No Brasil, ao longo de 2019, serão realizadas mais de 20 limpezas de praias e diversas campanhas para combater o lixo nos oceanos. A primeira grande ação aconteceu no último domingo (17/02), com um mutirão para limpar uma praia em Fernando de Noronha.

“Optamos por iniciar o trabalho em Fernando de Noronha por conta da importância desse paraíso natural e do movimento que já acontece na ilha para acabar com o uso e a comercialização de itens plásticos”, afirma Bruna Buás, diretora de Marketing de Corona.

Para estimular que os comerciantes de Fernando de Noronha cumpram o decreto que restringe o uso e a comercialização de plásticos descartáveis na ilha, a partir de 13 de abril, Corona e Parley farão uma campanha, com a participação de Gabriel Medina, na qual trocarão canudos, copos e sacos de plástico desses estabelecimentos por itens sustentáveis.

Compartilhe: