Campanha em Nova York redesenha capas de livros para conscientizar sobre analfabetismo

Ação "Unreadable Books" foi pensada para desenvolver a sensação de como é a vida quando a leitura é uma luta

por Soraia Alves

Em Nova York, a organização sem fins lucrativos Literacy Partners apostou em uma ativação para aumentar a conscientização das pessoas sobre o analfabetismo. A ação consiste no redesign de algumas capas de livros conhecidos, de forma que os títulos e nomes não podem ser lidos.

A campanha “Unreadable Books” (livros ilegíveis) foi pensada para desenvolver a sensação de como é a vida quando a leitura é uma luta. Foram redesenhadas 12 capas de livros muito vendidos, como “O Código Da Vinci”, de Dan Brown.

As informações no verso dos livros trazem detalhes sobre como apoiar a ONG em sua missão de alfabetização. A campanha foi desenvolvida pela organização em parceria com a agência criativa The & Partnership.

As capas ficarão em exibição de 15 a 18 de março, nas livrarias McNally Jackson, no Brooklyn, e Mysterious Books, em Manhattan. Os livros também estarão em um stand da Literacy Partners na Union Square, no dia 17 de março.

Compartilhe: