cover-tiktok5

TikTok pode ser vendido a investidores americanos para “garantir” segurança do app

Medida ajudaria a aliviar preocupações do governo, que basicamente abordam uma possível entrega de dados dos usuários do app às autoridades chinesas

por Soraia Alves

Desde que se tornou um sucesso de público, o TikTok também virou alvo de investigações sobre a segurança da plataforma, especialmente nos Estados Unidos, que tem examinado o app pertencente à empresa chinesa ByteDance com diversas agências federais, incluindo a Administração de Segurança no Transporte, o Departamento do Estado e o exército.

Com as investigações avançando e a chance dos Estados Unidos impedirem o uso do app no país, uma alternativa encontrada pela ByteDance é permitir que investidores norte-americanos que já têm participação na empresa controlem de vez a plataforma. A medida ajudaria a aliviar as preocupações do governo, que basicamente abordam uma possível entrega de dados dos usuários do app às autoridades chinesas.

Apesar da especulação, nada ainda foi oficialmente confirmado. De acordo com o CEO da Bytedance, Zhang Yiming, a empresa estaria aberta à ideia de vender o TikTok se essa for a melhor solução para garantir que o aplicativo continue crescendo.

Além dos EUA, outros países estão de olho na política de segurança do TikTok. A Índia, por exemplo, já baniu o app duas vezes. O país conta com a maior base de usuários no exterior, número que chega a mais de 200 milhões de pessoas. Nos Estados Unidos, por enquanto o app só foi proibido em todos os dispositivos de pessoas ligadas ao governo federal

Compartilhe: