capa_mindhunter_netflix_ah_indica_widexl

David Fincher não tem planos de retomar “Mindhunter” num futuro próximo

Cineasta no momento está finalizando "Mank" e declara que não pretende retornar à série tão cedo

por Matheus Fiore

A série “Mindhunter” foi um dos grandes sucessos da Netflix na última década. Entretanto, seu criador, o cineasta americano David Fincer (de “Clube da Luta” e “A Rede Social”), afirmou não ter planos para retomar a série, que estreou sua segunda temporada em 2019.

Em entrevista à Vulture, o diretor confirmou o hiato sem previsão de retorno, que já havia sido revelado por outros produtores da série: “Nós vivemos imersos na série por dois ou três anos. Não era o tempo todo, mas pelo menos uns seis ou sete meses por ano. ‘Mindhunter’ era demais para mim”, disse o cineasta, que além de idealizar, era o showrunner, produtor e diretor de alguns episódios.

Ao veículo, Fincher diz ainda que não pensará em nada relacionado a “Mindhunter” antes de finalizar “Mank”, seu novo filme que também será lançado pela Netflix ainda este ano. Outro motivo que contribuiu para a desistência é o fato de que o trabalho exigia muitos recursos e não tinha um retorno à altura.

A Netflix tem interesse em continuar a produção, porém, já que um representante escreveu à própria Vulture depois da conversa com o diretor que “talvez daqui a 5 anos” o projeto seja retomado.

Vale lembrar que, em 2019, Fincher já afirmou em outras ocasiões que trabalhar com séries o interessava por acreditar que elas não precisavam mais seguir um modelo pronto de formato. Não há, por exemplo, a necessidade de todos os episódios terem 20 ou 40 minutos. Não é difícil, portanto, imaginar que ele também não tenha tanto apreço por manter lançamentos constantes, já que isso é uma demanda puramente mercadológica.

Compartilhe: