aab9

Companhias aéreas dos EUA proíbem álcool e armas durante cerimônia de posse de Joe Biden

Nem mesmo os serviços de bordo oferecerão bebidas alcóolicas, enquanto armas registradas estarão restritas até mesmo para agentes da lei

por Matheus Fiore

As companhias aéreas americanas determinaram algumas regras excepcionais a serem aplicadas durante o período da inauguração do governo de Joe Biden, recentemente eleito o novo presidente dos Estados Unidos. Segundo a CNN, o FBI recebeu informações sobre protestos armados planejados em todos os 50 estados e no capitólio de Washington.

Armas registradas eram permitidas em vôos, mas agora, a tolerância será zero até que o processo de posse de Biden que começa no dia 20 de janeiro se encerre. “Nós não deixaremos ninguém carregar uma arma nos aeroportos durante esse fim de semana e na próxima semana, a menos que você faça parte das forças policiais e esteja autorizado a carregar uma”, afirmou Ed Bastian, CEO da Delta Air Lines.

Bebidas alcóolicas também estão proibidas não só de ser transportadas, mas também dos serviços de bordo das companhias aéreas que operarem na região de Washington, entre os dias 16 e 21 de janeiro. A American Airlines afirmou que, para garantir o funcionamento das novas normas, está revisando suas diretrizes de anúncios para enfatizar a importância de respeitar as normas e seguir as orientações das equipes da companhia presentes nos vôos.

Ha alguns dias, o Airbnb também decidiu operar de maneira especial durante o período da posse de Biden. A empresa anunciou que nenhuma reserva poderia ser feita pelo app na região de Washington e todas as reservas já feitas seriam canceladas e os donos dos imóveis reembolsados. Todas essas medidas foram influenciadas pelos recentes atentados da alt-right ao capitólio de Washington.

Compartilhe: