155800-apps-news-chanel-lipscanner-app-how-to-match-and-try-on-your-perfect-lipstick-from-any-image-image1-ofj2iicsop

Inteligência artificial da Chanel quer ajudar você a encontrar a cor ideal de batom

Marca quer ajudar público a navegar por mais de 400 opções do catálogo a partir de algoritmo e filtros virtuais

por Pedro Strazza

A Chanel anunciou no último domingo (21) um novo aplicativo que usa de inteligência artificial para ajudar o cliente a escolher o batom que melhor atenda a suas preferências. Batizado de Lipscanner e disponível por enquanto na App Store, o serviço a partir da câmera do celular permite que o usuário identifique um estilo visual que lhe interesse no momento para a partir disso sugerir um dos mais de 400 itens da linha da marca, em busca do tom de cor ideal – seja considerando o rosto do consumidor, um look que ele forneça ou mesmo a cor de um item de vestuário.

Como outros tantos serviços, o app também permite que a pessoa “teste” a opção sugerida pela IA com uma máscara virtual, mas o que a marca busca destacar com o novo produto é o algoritmo. De acordo com a Chanel, o Lipscanner “salva os usuários da tarefa de lidar com inventários online enormes ao promover perfeitamente o reconhecimento e pareamento de cor para eles”.

Enquanto a Chanel diz ter lançado um app que é de “primeira classe para beleza smart”, ela nem de perto é a primeira companhia de cosméticos a se aventurar por esta intersecção do mercado de beleza com tecnologia. A L’Oreal, por exemplo, não apenas brinca desde 2018 com realidade aumentada como apresentou junto da YSL no começo do ano passado o Perso, um aparelho que literalmente escaneia o rosto do usuário para produzir bases, batons e cremes customizados.

A questão aqui, porém, é ver uma marca do porte da Chanel abraçando o uso de um serviço do tipo para potencializar suas vendas no digital, o que é mais um sinal da transição que até mesmo cosméticos passam do varejo em direção ao e-commerce.

Compartilhe: