zappay Imagem: Reprodução

WhatsApp começa a permitir transferências de dinheiro no Brasil

Sistema de pagamentos funciona por enquanto para usuários e limita transações a mil reais por vez, com limite mensal de R$ 5.000

por Pedro Strazza

Depois do anúncio e da devida autorização do Banco Central no ano passado, o Whatsapp nesta terça (4) enfim debutou no Brasil sua ferramenta de pagamentos entre pessoas físicas. O serviço será disponibilizado gradualmente para todos os usuários do país nas próximas semanas, enquanto o sistema dedicado a empresas deve ser ativado no futuro com a devida aprovação. Enquanto o COO Matt Idema diz ao UOL que uma pequena parcela de contas já conta com o recurso, percentuais não foram divulgados.

De acordo com o anúncio oficial à imprensa, os pagamentos serão disponibilizados primeiro para cartões de débito, pré-pago ou combo do Banco do Brasil, Banco Inter, Bradesco, Itaú, Mercado Pago, Next, Nubank, Sicredi e Woop Sicredi – todos com bandeira Visa ou Mastercard. O modelo é habilitado pelo Facebook Pay e operado pela Cielo, com as transferências sendo protegidas por múltiplas camadas de segurança que incluem o uso de PINs e mesmo biometria para aparelhos compatíveis.

As transferências em si são muito simples, embora por enquanto autorizadas apenas para pessoas físicas. Depois de fazer o cadastro devido nas configurações, o usuário seleciona uma pessoa para enviar o dinheiro e seleciona a opção de pagamento. Conforme se é realizado o envio, o WhatsApp exibe na conversa com o remetente o pagamento sendo feito.

Todo esse processo é ilustrado nos dois tutoriais abaixo.

Além de exigir a ligação de um número de telefone do país à conta, a plataforma também estabeleceu alguns limites. Só podem ser realizadas 20 transações ao dia pelo usuário, com um limite de mil reais por transação e cinco mil reais por mês – e os bancos parceiros podem reduzir este percentual.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link