TechRadarb9
Imagem: Reprodução/TechRadar

Mercado de jogos para celular atinge recorde de US$ 1,7 bilhão por semana

Pandemia acelerou crescimento do mercado mobile e empresas já notam oportunidade de lucro trabalhando em versões mobile para sucessos dos computadores

por Matheus Fiore

O mercado de jogos mobile tem crescido muito nos últimos anos, e ao que parece, atingiu um novo pico no primeiro trimestre de 2021. O App Annie, especializado em análises estatísticas, aponta que nos três primeiros meses de 2021, jogos para plataformas iOS e Android foram 30% mais baixados do que no mesmo período em 2019, e atingiu um novo recorde de dinheiro gasto: US$ 1,7 bilhão por semana.

O número por si só já é impressionante, mas assusta ainda mais ao lembrarmos que isso representa um aumento de aproximadamente 40% em relação ao período pré-pandemia. Os mercados mais agitados foram Estados Unidos e Alemanha. Arábia Saudita e Turquia também contribuíram para o crescimento, que foi em escala mundial e representa uma enorme valorização para o nicho.

O crescimento se deve muito à situação da pandemia, que fez o mundo precisar praticar novos hábitos sanitários a fim de evitar o contágio da Covid-19. Apesar disso, ainda impressiona pelo fato de, no mesmo período, gigantes da indústria dos games como Sony e Microsoft terem lançado seus consoles de última geração: o PlayStation 5 e os Xbox Series X e S.

Os jogos mais lucrativos foram, respectivamente: “ROBLOX”, “Genshin Impact”, “Coin Master”, “Pokémon GO”, “Honour of Kings”, “PUBG Mobile”, “Candy Crush Saga”, “Homescapes”, “Rise of Kingdoms” e “Game for Peace”. Não por acaso, diversas empresas já planejam lançar versões mobile de seus jogos, como a Psyonix com “Rocket League” e a Riot Games com “League of Legends” e, em breve, “Valorant”.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link