Será que o sexo pode salvar o futuro da Dinamarca?

Spies Travels incentiva que dinamarqueses viajem para melhorar vida sexual e taxas de natalidade

por Amanda de Almeida

Será que o sexo pode salvar o futuro da Dinamarca? Esta é a pergunta feita pela agência de turismo Spies em sua nova campanha, baseada em uma pesquisa que mostra os hábitos sexuais dos dinamarqueses. De acordo com o estudo realizado pela Epinion, os participantes têm um aumento de 46% em suas atividades sexuais quando viajam, uma vez que ficam mais relaxadas. E o que o futuro tem a ver com tudo isso?

A população da Dinamarca está envelhecendo, enquanto as taxas de natalidade são baixíssimas. Por outro lado, a pesquisa realizada com 997 entrevistados, com idades entre 18 e 35 anos, constatou que quase 10% da população jovem do país é concebida durante as férias.

A solução, então, é simples: a melhor forma de de melhorar as taxas de natalidade do país é estimulando as pessoas a viajarem. Mais do que isso, a Spies resolveu criar, dentro da campanha “Do it for Denmark” uma espécie de “vale-ovulação”. Se a mulher comprovar que ficou grávida durante uma viagem, a agência oferece três anos de produtos infantis mais uma viagem familiar.

Essa não é a primeira vez que a Spies se baseia em dados “científicos” para uma campanha. No ano passado, eles realizaram uma experiência que mostrava a importância de “férias ensolaradas”. Será que vai dar certo?

dinamarca

Compartilhe: