Transformando poluição em tinta

Startup indiana fabrica tinta a partir de ar reciclado

por Lau Franco

A Índia possui cidades com péssima qualidade do ar – e essa foi a inspiração da startup indiana Graviky Labs, nascida de uma spin-off do Media Lab do MIT na cidade de Bangalore, que desenvolveu um processo para usar o carbono presente no ar poluído para fazer tinta, a Air Ink.

O vídeo acima mostra uma ação feita em Hong Kong, em parceria com a marca de cerveja Tiger Beer (Heineken Asia-Pacífico), na qual a tinta é utilizada para fazer grafitti e street art.

O processo é feito em três etapas com equipamentos e tecnologias já patenteados pela empresa. A primeira etapa consiste em adaptar um equipamento ao escapamento de automóveis, o Kaalink. 

O Kaalink deixa o ar quente passar, retendo apenas as partículas

O Kaalink deixa o ar quente passar, retendo apenas as partículas

Depois, a fuligem recolhida passa por vários processos para a remoção de metais pesados e substâncias cancerígenas. Por fim, o carbono purificado é utilizado para fabricar as tintas.

As tintas da Graviky Labs ainda não estão disponíveis comercialmente, mas marca pretende desenvolver o processo criar tintas para diversas finalidades e capturar pigmentos de outras cores.

air_ink
Compartilhe: