Assédio

Pesquisa quer revelar assédios sexual e moral entre profissionais de comunicação

Estudo, disponível para ser respondido, prevê apontar um retrato real em agências, redações e outros veículos

por Soraia Alves

Uma pesquisa sobre assédios sexual e moral que acontecem no ambiente de trabalho está disponível para ser respondida por profissionais de comunicação que atua no mercado.

Idealizada pelo Grupo de Planejamento de São Paulo em parceria com o Qualibest, a intenção é ter um retrato sobre esses problemas no país e, assim, auxiliar empresas na construção de ambientes de trabalho saudáveis de verdade.

O estudo tem como objetivo construir um retrato real da situação de assédio moral e sexual que impacta homens e mulheres em agências de publicidade, eventos, produtoras, plataformas de tecnologia e veículos de comunicação.

Segundo a organização, profissionais de comunicação têm um importante papel na geração de resíduo positivo e na implantação de mudanças estruturais para transformar a sociedade. Sendo assim, abordar tais temas é de extrema importância para promover as mudanças necessárias.

Para responder a pesquisa, acesse esse link aqui.

Compartilhe: