Clicky

“Oitava Série”, “First Reformed” e “Você Nunca Esteve Realmente Aqui” lideram indicações ao Spirit Awards, o Oscar independente

“Oitava Série”, “First Reformed” e “Você Nunca Esteve Realmente Aqui” lideram indicações ao Spirit Awards, o Oscar independente

Novo filme de Barry Jenkins também chegou forte na lista, que conta ainda com três indicações ao brasileiro “Sócrates”

por Pedro Strazza

Considerado o Oscar do cinema independente dos Estados Unidos, o Spirit Awards inaugurou hoje a temporada de premiações deste ano ao anunciar sua lista de indicados à edição deste ano. Divulgada em evento liderado pelas atrizes Gemma Chan e Molly Shannon, a lista deste ano contou com um bom número de surpresas por conta da ausência de nomes mais fortes na corrida pela estatueta concedida pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, impossibilitados graças às regras do prêmio que passou a proibir com maior rigor a participação de produções ancoradas pelos estúdios. Assim, filmes concorridos e provavelmente a serem muito celebrados como “Roma”, “A Favorita” e “Vice” ficaram de fora, restritos no máximo a uma indicação no prêmio de Melhor Filme Internacional – caso dos dois primeiros exemplos.

Isto posto, as categorias principais do Spirit este ano se viram pulverizados em uma quantidade significativa de produções menores, com os filmes “maiores” arrebatando não mais que quatro indicações. Foram os casos de “Oitava Série”, longa de estreia do comediante Bo Burnham; “First Reformed”, elogiado projeto de Paul Schrader estrelado por Ethan Hawke; e “Você Nunca Esteve Realmente Aqui”, o thriller de Lynne Ramsay que passou pelo Festival de Cannes no ano passado. Estes três filmes, somados com “Se a Rua Beale Falasse” de Barry Jenkins e o “Sem Rastros” de Debra Granik (que somaram cada um três nomeações), compõem este ano a lista de concorrentes ao prêmio de Melhor Filme no Spirit.

Além deles, outros filmes que se destacaram no anúncio dos indicados foram “Mais Uma Chance”, drama escrito e dirigido por Tamara Jenkins que conquistou lugar nas categorias de Melhor Direção, Melhor Atriz Coadjuvante e Melhor Roteiro; e o “Vida Selvagem” que é a estreia de Paul Dano na direção, lembrado nos pódios pelos prêmios de Melhor Filme de Estreia, Melhor Atriz e Melhor Fotografia.

Entre as produções que estão mais de olho num lugar no Oscar, quem saiu melhor foram o já citado “Se a Rua Beale Falasse” e o drama “Poderia Me Perdoar?”, que apesar de ter perdido a indicação a Melhor Atriz para Melissa McCarthy chegou às categorias de Melhor Ator Coadjuvante e Melhor Roteiro. A grande surpresa do anúncio até o momento, porém, é a quase esnobada para o “Infiltrado na Klan”, que só conseguiu espaço no Spirit em Melhor Ator Coadjuvante para Adam Driver – uma escolha que, além de polêmica dada a única nomeação para um ator branco em um filme sobre questão racial, ainda conteve traços de ironia porque Driver vai disputar o prêmio com John David Washington, o ator principal do longa de Spike Lee que chegou ao prêmio por outro trabalho, o drama policial “Monsters and Men”.

Outras surpresas interessantes foram as lembranças pontuais a produções como a comédia “Support the Girls”, o suspense “Buscando…” e o terror “Hereditário”. Embora fora do páreo pelo prêmio de Melhor Filme Estrangeiro, o Brasil foi triplamente lembrado com “Sócrates”, drama de Alex Moratto que chegou nas categorias de Melhor Ator (para Christian Malheiros), do prêmio John Cassavetes e o Someone To Watch Award, destinado a nomes promissores do cenário.

Confira abaixo a lista completa de indicados à 34° edição do Spirit Awards. A cerimônia de premiação acontece no dia 23 de fevereiro, nos Estados Unidos.

Melhor Filme

“Oitava Série”

“First Reformed”

“Se a Rua Beale Falasse”

“Sem Rastros”

“Você Nunca Esteve Realmente Aqui”

Melhor Diretor

Debra Granik, “Sem Rastros”

Barry Jenkins, “Se a Rua Beale Falasse”

Tamara Jenkins, “Mais Uma Chance”

Lynne Ramsay, “Você Nunca Esteve Realmente Aqui”

Paul Schrader, “First Reformed”

Melhor Filme de Estreia

“Hereditário”

“Sorry to Bother You”

“O Conto”

“We the Animals”

“Vida Selvagem”

Melhor Atriz

Glenn Close, “A Esposa”

Toni Collette, “Hereditário”

Elsie Fisher, “Oitava Série”

Regina Hall, “Support the Girls”

Helena Howard, “A Madeline de Madeline”

Carey Mulligan, “Vida Selvagem”

Melhor Ator

John Cho, “Buscando…”

Daveed Diggs, “Ponto Cego”

Ethan Hawke, “First Reformed”

Christian Malheiros, “Sócrates”

Joaquin Phoenix, “Você Nunca Esteve Realmente Aqui”

Melhor Atriz Coadjuvante

Kayli Carter, “Mais Uma Chance”

Tyne Daly, “A Bread Factory”

Regina King, “Se a Rua Beale Falasse”

Thomasin Harcourt McKenzie, “Sem Rastros”

J. Smith-Cameron, “Nancy”

Melhor Ator Coadjuvante

Raúl Castillo, “We the Animals”

Adam Driver, “Infiltrado na Klan”

Richard E. Grant, “Poderia Me Perdoar?”

Josh Hamilton, “Oitava Série”

John David Washington, “Monsters and Men”

Melhor Roteiro

“Colette”

“Poderia Me Perdoar?”

“Mais Uma Chance”

“Sorry to Bother You”

“First Reformed”

Melhor Roteiro de Estreia

“Oitava Série”

“Nancy”

“Puro-Sangue”

“Blame”

Melhor Fotografia

“A Madeline de Madeline”

“Vida Selvagem”

“Mandy”

“Suspiria”

“We the Animals”

Melhor Montagem

“Você Nunca Esteve Realmente Aqui”

“We the Animals”

“American Animals”

“O Conto”

“Mid90s”

Prêmio John Cassavetes

“A Bread Factory”

“En El Séptimo Dia”

“Never Goin’ Back”

“Sócrates”

“Thunder Road”

Prêmio Robert Altman

“Suspiria”

Melhor Documentário

“Hale County This Morning, This Evening”

“Minding the Gap”

“Of Fathers and Sons”

“On Her Shoulders”

“Shirkers”

“Won’t You Be My Neighbor?”

Melhor Filme Internacional

“Em Chamas” (Coréia do Sul)

“A Favorita” (Reino Unido)

“Lazaro Felice” (Itália)

“Roma” (México)

“Assunto de Família” (Japão)

Piaget Producers Award

Jonathan Duffy and Kelly Williams

Gabrielle Nadig

Shrihari Sathe

Someone to Watch Award

Alex Moratto, “Sócrates”

Ioana Uricaru, “Lemonade”

Jeremiah Zagar, “We the Animals”

Truer Than Fiction Award

Alexandria Bombach, “On Her Shoulders”

Bing Liu, “Minding the Gap”

RaMell Ross, “Hale County This Morning, This Evening”

Annual Bonnie Award

Debra Granik

Tamara Jenkins

Karyn Kusama

Compartilhe: