BN-WP492_CAMBRI_GR_20171214182308

Escândalo do Cambridge Analytica vai ganhar filme escrito pelos roteiristas de “Vingadores: Ultimato”

Filme será produzido pelo estúdio dos irmãos Russo e negocia com David Gordon Green para a direção

por Matheus Fiore

Os escândalos da Cambridge Analytica chacoalharam as principais redes sociais do planeta e, desde então, mudaram a forma como a população americana se relaciona com redes sociais e a privacidade seus dados. Até hoje, redes como o Facebook e o Twitter tentam fazer um trabalho mais transparente para reconquistar a confiança de seus usuários.

O tema, porém, parece longe de ter um descanso, conforme o cinema começa a abordar o tema em diversas produções. Além do “The Great Hack” que a Netflix distribuirá ainda este ano (e que causou em sua passagem pelo Cannes Lions) a dupla de roteiristas Christopher Markus e Stephen McFeely, responsável pelos últimos dois capítulos megalomaníacos da saga “Vingadores” (incluindo o recente “Ultimato”) estão escrevendo um filme que recontará a história do escândalo nas telonas. Produzido pela AGBO dos irmãos Joe e Anthony Russo, o longa já está em negociações com David Gordon Green (que recentemente estourou no mercado com o remake de “Halloween”) para assumir a direção do projeto, que o estúdio está querendo colocar em movimento em 2020.

As filmagens, porém, devem demorar um pouco para acontecer, pois caso Gordon Green seja oficializado como diretor ele só poderá filmar o projeto após terminar os trabalhos na continuação do novo “Halloween”. Assim, o filme do Cambridge Analytica só deve começar a tomar corpo no fim do próximo ano, com seu lançamento ocorrendo mesmo no fim de 2021.

É muito improvável, mas seria demais sonhar com um retorno de Jesse Eisenberg ao papel de Mark Zuckerberg?

Compartilhe: