Budweiser redireciona seus investimentos para ajudar no combate à pandemia

Nos Estados Unidos, cerveja está produzindo e distribuindo álcool em gel, além de doar US$ 5 milhões para a Cruz Vermelha Americana

por Soraia Alves

A Budweiser está redirecionando seus esforços em esportes e entretenimento para ajudar a lidar com as consequências da crise do novo coronavírus. A marca anunciou que suas fábricas e rede de logística estão produzindo álcool em gel, e que utilizará estádios fechados como centros de doação de sangue para a Cruz Vermelha Americana.

A cerveja também comprometeu-se a doar US$ 5 milhões para a Cruz Vermelha Americana, transferindo o dinheiro que seria destinado a esportes e entretenimento para ajudar no combate à pandemia, além de usar seu espaço de anúncios na mídia para retransmitir informações de serviço público.

“A COVID-19 mudou a forma como todos vivemos, mas não mudou as prioridades da Anheuser-Busch e nossos compromissos como empregador, parceiro de negócios e cidadão corporativo. Embora não possamos resolver esta crise por conta própria, estamos orgulhosos de fazer o que pudermos para servir e apoiar nossas comunidades carentes e os heróis na linha de frente, usando nossas capacidades, nossos relacionamentos e nosso alcance para fazer nossa parte. Convidamos outras empresas a usar seus recursos exclusivos para se juntar a nós nesse esforço, para que juntos possamos fazer a diferença”, diz Michel Doukeris, executivo-chefe da Anheuser-Busch EUA, em comunicado.

Como parte de sua mobilização, a Bud também lançou a campanha “One Team”, um vídeo bem patriota que homenageia americanos comuns que enfrentam os desafios atuais, continuando a servir suas comunidades durante a pandemia.

Compartilhe: