Maior feira tecnológica do mundo, CES cancela sua edição física de 2021

Maior feira do segmento tecnológico, a CES de 2021 será adaptada para um evento que promete ser uma experiência totalmente digital

por Matheus Fiore

A Consumer Electronics Show (CES) acaba de ter sua edição física de 2021 oficialmente cancelada. O evento anual, que é sediado em Las Vegas, reúne quase 200 mil pessoas ligadas à indústria tecnológica. Sendo a maior feira do segmento, a CES de 2021 será adaptada para um evento que promete ser uma experiência totalmente digital.

Ainda não há detalhes sobre a edição de 2021. A feira é, tradicionalmente, palco de importantes lançamentos tecnológicos, e funciona também como ponto de encontro para executivos e investidores. A edição de 2021 seria importante, por exemplo, para o mercado dos games, já que seria a primeira a acontecer após o lançamento do PlaySTation 5 e do Xbox Series X, os dois novos consoles da Sony e da Microsoft.

Em seu site oficial, a CES publicou uma carta informando sobre as mudanças para a edição de 2021: A Consumer Technology Association (CTA) está reimaginando como conectar expositores, clientes, líderes de pensamento e mídia de todo o mundo, priorizando a saúde e a segurança. Portanto, estamos felizes em compartilhar que o CES 2021 será uma experiência totalmente digital”, diz o começo do texto. “Por mais de 50 anos, a CES tem sido o palco global da inovação. E o CES 2021 continuará sendo uma plataforma para lançar produtos, se envolver com marcas globais e definir o futuro da indústria de tecnologia”, promete o evento.

Com a pandemia do coronavírus, diversos eventos em todo o mundo têm sido cancelados, adiados ou transformados de versões presenciais para digitais. A San Diego Comic-Con, por exemplo, foi um desse eventos. No Brasil, o Lollapalooza e a Comic-Con Experience também foram afetados, com o segundo sendo completamente adaptado para uma feira online.

Compartilhe: