Super Bowl LV: Timothée Chalamet é o filho de Edward Mãos de Tesoura no comercial da Cadillac

Super Bowl LV: Timothée Chalamet é o filho de Edward Mãos de Tesoura no comercial da Cadillac

Vídeo ainda traz de volta Winona Ryder para vender versão elétrica do veículo

por Pedro Strazza

Além de mover uma guerra entre Will Ferrel e a Noruega, a General Motors também preparou um comercial especial do Cadillac para o Super Bowl deste ano, que segue uma onda popularizada pela concorrente Jeep no ano passado a criar uma sequência a um filme amado pelo público norte-americano. E se no ano passado a escolha foi “Feitiço do Tempo”, em 2021 a escolha da GM foi “Edward Mãos de Tesoura”.

O comercial “ScissorHandsFree”, porém, chama a atenção de início por seguir um desfecho diferente do mostrado em 1990 no filme dirigido por Tim Burton. Ainda que Edward em si não apareça (talvez por conta de todo o rolê jurídico que tem sido a vida de Johnny Depp), a peça criada pela Leo Burnett apresenta um filho do personagem, agora vivido por Timothée Chalamet e cuja grande paixão é dirigir – o que pode ser um problema, dado que ele herdou do pai não apenas o visual como as mãos de tesoura. Confira acima na íntegra.

Estrelado ainda por Winona Ryder, que volta a interpretar a personagem de Kim no papel maternal, o vídeo de um minuto e meio dirigido por David Shane busca não apenas divulgar a versão elétrica do Cadillac como o recurso de direção automática, o que talvez explique porque a marca ganhou uma campanha separada para o evento.

De acordo com o Ad Age, o comercial ganhou aprovação de Burton, que diz em comentário oficial que “É raro quando um trabalho do qual você se orgulha continuar a viver e evoluir com os tempos, mesmo depois de 30 anos”. Já Depp ainda está para fazer um comentário oficial sobre a campanha.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link