GettyImages-1299388500 Imagem: Yuriko Nakao/Getty Images

Criada para satirizar meio, Dogecoin agora é uma das 10 criptomoedas mais valiosas do mundo

Moeda cresceu 200% na última semana e chegou a ser cotada em 47 centavos de dólar

por Pedro Strazza

Depois da “tradicional” Bitcoin, agora é a vez da Dogecoin virar sensação do momento no mundo das criptomoedas. Inventada como uma piada, a moeda chegou na manhã desta sexta (16) ao valor de 47 centavos de dólar, um número que a coloca entre as 10 criptomoedas mais valiosas do planeta. No momento da publicação desta nota, a conversão oficial da Doge está na altura de 34 centavos do dólar no CoinMarketCap.

O feito coroa uma semana de alta temperatura para a moeda, que viu seu valor multiplicar em mais de 200% e alcançar uma capitalização de mercado de 50 bilhões de dólares. Um crescimento espantoso para uma criptomoeda que não apenas valia menos de um centavo de dólar até 27 de janeiro como foi inventada justamente para satirizar o mercado de criptomoedas – lançada em 2013, o nome da Dogecoin vem do bastante popular meme do cão Doge.

Além de acompanhar a alta histórica e consequente incorporação ao mercado da Bitcoin, a valorização da Dogecoin também acontece na esteira de uma série de “apoios” dados por Elon Musk à sua presença. Além de postar mais um tweet relacionado à criptomoeda no fim da última quinta-feira (15), o CEO da Tesla também chegou a declarar a Doge sua moeda digital favorita há dois meses, definindo-a como “uma criptomoeda do povo”.

A preocupação agora é saber se a dita cuja se sustenta no mercado.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link