Pantera Negra

“Pantera Negra” quebra proibição de cinemas na Arábia Saudita depois de 35 anos

Filme é o primeiro a estrear em exibição pública depois de censura religiosa

por Ana Roza

“Pantera Negra” parece bater um recorde novo a cada semana. Depois de se tornar a terceira maior bilheteria da história e o filme mais mencionado da história do Twitter, ele agora se torna o primeiro filme a passar em exibição pública na Arábia Saudita, depois de uma proibição que fechou as salas de cinema por 35 anos no país.

Os cinemas foram proibidos nos ano 80 na Arábia, depois que padrões ultraconservadores iniciaram um período de censura no país. A remoção da proibição foi anunciada em dezembro, pelo príncipe herdeiro, Mohammed bin Salman.

O blockbuster da Marvel estreia na nova sala de cinema da AMC em Riade, capital do país. A Disney conta com o apoio da distribuidora local, Italia Film. Com uma estreia luxosa em mais de 600 acentos de coro em níveis de orquestra, Pantera Negra é recebido por uma audiência  esperançosa em abraçar uma nova era dentro de casa – assim como o filme fez, na Casa das Ideias.

Compartilhe: