tiffb9

Festival de Cinema de Toronto planeja ser “maior evento” do meio este ano, durante crise do coronavírus

Com iminente cancelamento de Cannes e o adiamento de Tribeca, TIFF pode ser o primeiro grande festival de cinema depois do auge da pandemia

por Matheus Fiore

A pandemia do novo coronavírus tem afetado bastante a agenda da indústria cinematográfica. Chegamos a listar todos os grandes blockbusters hollywoodianos que tiveram suas estréias canceladas ou adiadas em virtude da crise mundial com o COVID-19. Os festivais, claro, também foram afetados. O SXSW teve sua edição de 2020 cancelada a pedido da cidade de Austin, o que resultou na não exibição pública dos filmes da mostra cinematográfica do evento, por exemplo.

Posteriormente, Tribeca, o tradicional festival novaiorquino de cinema, também foi adiado por tempo indeterminado por conta da pandemia. Até mesmo o Festival de Cannes, o mais importante do cinema, está sob risco, mesmo que a organização ainda insista em manter o discurso de que não pretende cancelar.

Agora, o próximo grande evento da temporada de festivais é o Festival Internacional de Cinema de Toronto, que ocorre anualmente em setembro. Respectivamente diretora executiva do festival e diretor artístico, Joana Vicente e Cameron Bailey afirmaram que pretendem fazer da edição de 2020 – caso aconteça – numa espécie de “festival dos festivais”.

A dupla se pronunciou por meio de um vídeo, postado diretamente no Twitter do festival.

Perguntado sobre a possibilidade de a pandemia não ter acabado até setembro, Bailey declara que “É claro que reconhecemos que, ao planejar o festival agora, ainda há incertezas sobre como estarão as pessoas que se reunirão em setembro. Por isso, estamos observando as inovações digitais que fornecerão opções para entregarmos o TIFF ao nosso público e que apoiarão cineastas e parceiros, fortalecendo o setor”.

“Dado nosso profundo vínculo com a comunidade cinematográfica canadense e internacional, concentraremos esses esforços em fornecer uma plataforma para diversos artistas, elevando suas vozes e perfis enquanto trabalhamos para apoiar e promover o cinema canadense e internacional”, completa Vicente.

Os diretores do festival parecem crer que o mundo estará normal até setembro, que é a previsão de alguns países para o retorno à normalidade. Caso o TIFF de 2020 realmente aconteça, será o primeiro grande festival internacional pós pandemia, o que abre a possibilidade para que muitos dos filmes que seriam exibidos em Cannes e Tribeca, por exemplo, possam ser vistos pela primeira vez em Toronto.

Enquanto isso, o SXSW encontrou novas soluções para exibir seus filmes. O júri assistiu aos filmes por links online para decidir quem seriam os vencedores da premiação, e agora o Amazon Prime Video será utilizado para exibir os longas da mostra nos Estados Unidos.

Compartilhe: