linkedin Imagem: Shutterstock

Está ficando ridículo: LinkedIn também vai ter sua versão do Clubhouse

Empresa revela visual de plataforma que, não por acaso, tem layout parecido até demais com o do app de conversas por áudio

por Matheus Fiore

Mesmo que já tenha perdido um pouco de sua relevância e se tornado um app menor perto de redes sociais gigantes e bem estabelecidas, o Clubhouse ainda marcou 2021 por sua ideia de criar uma rede social exclusivamente para conversas de áudio. Várias plataformas concorrentes decidiram copiar o formato, e agora é a vez de o LinkedIn ter seu próprio clone do Clubhouse.

“Estamos fazendo alguns testes primários para criar uma experiência de áudio única e conectada com sua identidade profissional”, afirmou Suzi Owens, porta-voz do LinkedIn, ao TechCrunch. “Nós vemos um crescimento de 50% em conversas dentro da plataforma do LinkedIn, o que reflete as interações em stories, vídeos compartilhados e postagens na rede social”, completou, destacando as múltiplas possibilidades de interagir.

LinkedIn

Os testes com uma versão beta devem começar em breve. O LinkedIn, vale lembrar, já tem se posicionado como um espaço destinado a criadores de conteúdo, desde a implementação de seu Creator Mode, que te permite marcar seu perfil como o de um “criativo”. A chegada de um recurso similar ao do Clubhouse, portanto, permitiria que esses perfis produzissem o conteúdo em áudio para seus públicos com mais organização.

Além do LinkedIn, o Facebook também está trabalhando em uma ferramenta que copia o formato do Clubhouse. Outras empresas já tomaram a dianteira, como o Twitter, que em abril já vai disponibilizar em massa o Spaces, que é sua própria versão do app de conversas em áudio, mas dentro da própria rede social. Nem mesmo o Spotify quis ficar de fora e apresentou seu próprio Clubhouse.

Compartilhe: