Spotify enfim cria ferramenta que permite você ouvir música com os amigos

"Party mode" do serviço permite até 100 usuários numa mesma sessão, mas chega ao público ainda em fase de testes

por Pedro Strazza

Precisou uma pandemia para o Spotify enfim disponibilizar uma ferramenta de compartilhamento de músicas em sua plataforma. A companhia anunciou nesta segunda (11) um novo recurso intitulado Group Sessions, cujo propósito é justamente permitir que duas ou mais contas Premium do streaming consigam ouvir juntas as mesmas faixas simultaneamente – em resumo, é o “party mode” do Spotify.

Em testes desde o ano passado e por enquanto disponível em fase beta, o Group Sessions de acordo com a empresa baseia todo o funcionamento na aba de dispositivos, com o usuário podendo acessar a partir de hoje o ícone de uma câmera que providencia um código para ser compartilhado a outras contas. Escaneado a identificação, a plataforma sincroniza os usuários e disponibiliza algumas ferramentas essenciais ao host, incluindo execução, pausa, pular e selecionar faixas. Os participantes podem mexer no “DJ”, notificando os amiguinhos a partir do momento que decidem fazer qualquer movimento no streaming.

O Spotify afirma que o recurso permite até 100 usuários simultâneos, mas que nesse caso específico seria necessário que todas as pessoas estivessem num mesmo recinto – o que, convenhamos, é meio difícil no momento. Vale reforçar que a ferramenta ainda está em desenvolvimento, porém, o que significa que alguns bugs devem aparecer nestes primeiros dias.

O Group Sessions começou a ser disponibilizado a partir de hoje em todas as contas Premium ao redor do globo. É mais um esforço do Spotify para atender a demanda de sua comunidade, que anda crescendo a taxas recordes nos últimos tempos: além do recurso, a companhia na semana passada lançou um mapa interativo para mostrar quais músicas estão bombando nas diferentes regiões do globo.

Compartilhe: