Comercial de Michael B. Jordan como Alexa foi o mais visto do Super Bowl 2021 no YouTube

Comercial de Michael B. Jordan como Alexa foi o mais visto do Super Bowl 2021 no YouTube

Anúncios da Jeep com Bruce Springsteen e da Cadillac com continuação de "Edward Mãos de Tesoura" também bombaram na plataforma durante o dia da final da NFL

por Pedro Strazza

O Google divulgou na última segunda-feira (9) o seu relatório anual dos comerciais do Super Bowl que bombaram no YouTube, e pelo visto a publicidade se deu bem novamente. Numa edição marcada pela pandemia e outra vitória de um time com Tom Brady no elenco, a plataforma relata um crescimento de 70% na audiência total de todos os vídeos relacionados a anúncios veiculados durante a grande final da NFL.

Como no ano passado, a Amazon foi a grande campeã de público do evento. O comercial “Alexa’s Body”, que imagina uma versão altamente sexy da assistente no corpo de Michael B. Jordan, foi o mais visto dentro do YouTube durante o domingo, seguido pelo anúncio da Jeep com Bruce Springsteen e a “continuação” de “Edward Mãos de Tesoura” com Timothée Chalamet da Cadillac. Embora a rede social não tenha divulgado dados, a diferença da líder do segundo e terceiro lugares é discrepante na audiência total: lançado há quase uma semana, “Alexa’s Body” já acumula mais de 77 milhões de visualizações.

Outras marcas que se deram bem no dia do evento foram o Uber Eats, que apostou num comercial estrelado por Cardi B e um comeback do “Wayne’s World” fora da transmissão oficial; a Paramount Plus, que reuniu um time de estrelas para divulgar o novo serviço de streaming (e que de acordo com muita gente ocupou vários espaços dos intervalos comerciais); e os trailers de “Um Príncipe em Nova York 2” e “Falcão e o Soldado Invernal”, que conseguiram “invadir” o top 10 da publicidade do Super Bowl.

Além dos anúncios, o YouTube declara que o canal de The Weeknd registrou 1,6 milhão de visualizações no horário de sua apresentação no intervalo do jogo – um fenômeno corroborado pelo Spotify, que registrou um aumento de 84% nas buscas pelo cantor em seu streaming. Já o Google reporta que nos EUA virou tendência em seu buscador as pesquisas “por que o Super Bowl foi adiado”, “Gisele está no Super Bowl” (provando de novo que Brady é mais conhecido por muitos como “marido da Gisele Bündchen”?), “quanto ganha um juiz do Super Bowl” e as tradicionais pesquisas sobre o placar e o andamento do tempo do jogo.

Mais interessante, porém, é que as pesquisas que explodiram de uma hora para outra no buscador estavam relacionadas ao público do Super Bowl, no caso buscas de audiência e de quantos espectadores seriam permitidos no estádio. O incômodo com o público presente durante uma pandemia foi real.

Confira abaixo o top 10 de comerciais do Super Bowl 2021 mais assistidos no YouTube. A medição de audiência aconteceu até as 10 horas da noite do domingo, no fuso horário do pacífico.

1 – “Alexa’s Body” (Amazon)
2 – “The Middle” (Jeep)
3 – “ScissorHandsFree” (Cadillac)
4 – “Wayne’s World & Cardi B’s Shameless Manipulation” (Uber Eats)
5 – “Sweet Victory” (Paramount Plus)
6 – “Falcão e o Soldado Invernal” (Disney+)
7 – “Um Príncipe em Nova York 2” (Amazon Prime Video)
8 – “Let’s Grab a Beer” (Anheuser-Busch)
9 – “Flat Matthew” (Doritos)
10 – “Can a Burrito Change the World” (Chipotle)

Compartilhe:
icone de linkCopiar link