Apesar do coronavírus, departamento de saúde pública de Austin garante que SXSW 2020 vai acontecer

Representantes da cidade declaram que "não há evidências de que encerrar o South by Southwest e outras atividades vão tornar a comunidade mais segura"

por Pedro Strazza

O coronavírus pode prejudicar o quanto quiser a programação do evento, mas se depender de Austin o SXSW 2020 vai acontecer. É o que diz pelo menos os oficiais de saúde pública da administração da cidade, que numa coletiva de imprensa nesta quarta-feira (5) declararam que nas atuais circunstâncias a situação não dá indícios de que medidas drásticas precisem ser tomadas.

De acordo com a CNN, no encontro o diretor médico interino e membro do departamento de saúde pública da cidade Mark Escott disse que a prefeitura “está ativamente avaliando reuniões em massa numa base diária” e que no momento “não há evidências de que encerrar o South by Southwest e outras atividades vão tornar a comunidade mais segura”.

A situação é no mínimo instável para o festival. Além de diferentes eventos de tecnologia (além de filmes) terem se rendido à preocupação com a epidemia do vírus, incluindo o MWC e o F8, algumas das principais empresas do mercado tem anunciado sua desistência da participação do SXSW nos últimos dias, como o Facebook, o Twitter, a Amazon, a Apple e a Netflix. Uma petição também tem circulado por Austin, pedindo que a edição 2020 seja cancelada para evitar a disseminação da doença na região.

Até o momento, 11 pessoas com coronavírus foram confirmadas no Texas. Vale ressaltar que, no Brasil, a OMS até o momento confirmou apenas 2 casos de infectados com o coronavírus, ambos na cidade de São Paulo. De acordo com médicos e especialistas em saúde, a melhor forma de evitar a doença e suprimir seu contágio é cobrindo a boca e o nariz com o antebraço ao espirrar.

Compartilhe: