fbpx
139265398_2542560662708189_6653980699755685983_n

Facebook atualiza IA para melhorar descrição de fotos a deficientes visuais

Sistema consegue descrever localização e posição dos objetos, além de ser capaz de fazer diferenciações como entre frutas ou mesmo identificar um casamento sem vestido de noiva

por Pedro Strazza

O Facebook divulgou na última terça (19) a informação de que atualizou a inteligência artificial da plataforma de forma a melhorar a performance do sistema na hora de descrever fotos postadas a usuários que sejam deficientes visuais. A nova versão, esta semana na rede social, em tese deve fornecer ainda mais detalhes dos arquivos.

De acordo com o anúncio no blog oficial, a partir de agora a nova versão do que é chamado de “automatic alternative text” (ou AAT) usa bilhões de fotos e hashtags de Instagram para identificar os principais elementos da imagem. A mudança é mais drástica do que parece: se antes a IA trabalhava em cima de 100 descrições conceituais para fazer o trabalho, agora o método envolve mais de 1200 itens do tipo, incluindo alimentos e monumentos diferentes.

O mais interessante são as particularidades. O novo sistema não apenas consegue fazer diferenciações dentro de determinadas categorias (ele pode verificar que é um casamento mesmo se não houver um vestido branco, por exemplo), mas também a posição e o número de pessoas nas fotos, o que permite que o usuário possa pedir um resumo sonoro detalhado do arquivo que inclua a natureza, o tamanho e colocação dos objetos registrados.

O Facebook diz que a nova versão da ATT pode ainda gerar erros nas descrições ao excluir conceitos que não é capaz de reconhecer, mas a atualização com certeza representa um salto em acessibilidade à rede social.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link