maxresdefault

Alegando censura, redação do Metagaming se demite inteira do canal Loading

16 jornalistas, que formavam toda a equipe do programa, anunciaram decisão coletiva após a entrega de dois episódios

por Pedro Strazza

Faz pouco mais de uma semana que o Loading foi lançado na TV brasileira e o canal já enfrenta problemas. Na manhã desta sexta-feira (11), a redação do programa Metagaming anunciou uma demissão coletiva da empresa, acusando subjetivamente a emissora de censura.

A decisão foi comunicada nos respectivos perfis pessoais do Twitter por boa parte dos 16 membros da equipe de produção do programa, que já haviam entregado dois episódios do Metagaming desde o lançamento da Loading no dia 8 de dezembro. Embora uma razão específica não tenha sido citada em nenhuma das mensagens, repete-se a imagem ou a receita de um bolo de cenoura – artifício comum na ditadura militar para substituir matérias que haviam sido censuradas pelo governo.

Então editora assistente e apresentadora do programa, a jornalista Barbara Gutierrez escreve em seu perfil no Twitter que a decisão se deu por “desalinhamento editorial”. “Entendi que não conseguiria falar sobre assuntos que são importantes para mim e sempre permearam minha carreira como temas necessários para a evolução do cenário de esportes eletrônicos.” diz Gutierrez; “Sendo assim, partimos em caminhos distintos”.

Uma causa ainda não foi divulgada, mas o Metagaming estreou na programação do Loading esta semana com duas reportagens investigativas acerca de golpes no mercado de stream de jogos online. Não há confirmação se as matérias estão ligadas à decisão da redação, que se demitiu em sua totalidade.

A Loading ainda não se pronunciou oficialmente sobre o caso.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link